Angola não é uma democracia

hoje é sábado 355. TEJO QUE LEVAS AS ÁGUAS

Tejo que levas as águas
Correndo de par em par
Lava a cidade de mágoas
Leva as mágoas para o mar

Lava-a de crimes espantos
De roubos fomes terror
Lava a cidade de quantos
Do ódio fingem amor

Lava bancos e empresas
Dos comedores de dinheiro
Que dos salários de tristeza
Arrecadam lucro inteiro

Lava palácios vivendas
Casebres bairros da lata
Leva negócios e rendas
Que a uns farta e a outros mata

Leva nas águas as grades
De aço e silêncio forjadas
Deixa soltar-se a verdade
Das bocas amordaçadas

Lava avenidas de vícios
Vielas de amores venais
Lava albergues e hospícios
Cadeias e hospitais

Afoga empenhos favores
Vãs glórias, ocas palmas
Leva o poder dos senhores
Que compram corpos e almas

Das camas de amor comprado
Desata abraços de lodo
Rostos corpos destroçados
Lava-os com sal e iodo

Tejo que levas as águas
Correndo de par em par
Lava a cidade de mágoas
Leva as mágoas para o mar.
[Fonseca, Manuel, Obra Poética, Editorial Caminho, Lisboa, 1984, 7ª edição, pág. 168-169]

escrito por Carlos M. E. Lopes

LEIA O RESTANTE >>

hoje é sábado 354. PARÁFRASE

A Gastão Cruz

No verão se quiseres
poderás viver
ainda o verão novo

Porque o fogo feres
a pele que quer arder
no areal dum corpo

No outono   no inverno
quando tu escreveres
o mar será revolto
[Cortez, António Carlos, a dor concreta, Tinta da China, Lisboa, 2016, pág. 95]

escrito por Carlos M. E. Lopes

LEIA O RESTANTE >>

A DISCUSSÃO SOBRE O ACORDO ORTOGRÁFICO É COISA DE VELHOS...


O miúdo, a ler Uma aventura... na edição que o pai leu, nos seus tempos de miúdo...

-- Mamã, tem alguns erros. Mas... no antigo escrevia-se assim...

escrito por ai.valhamedeus

LEIA O RESTANTE >>

VÍDEO DA SEXTA 246. "Pokémon"


Os Pokémon são pequenas criaturas — a palavra significa “pequenos monstros”, uma contração do título original japonês de Pocket Monsters — cada uma com características específicas e poderes mágicos, que os humanos devem apanhar e treinar com o objetivo de combaterem uns com os outros em videojogos. 
As pequenas criaturas criadas nos anos 90 depressa saltaram dos videojogos e da consola portátil Game Boy para os ecrãs de televisão, para as cartas de jogar e para os brinquedos. A série Pokémon e os produtos associados é a segunda mais rentável de sempre para a empresa Nintendo (apenas atrás da série Mario Bros). 
Das mais de 700 criaturas do universo Pokémon, a mais famosa é o Pikachu. A criatura amarela mistura características de um gato, de um rato e de um coelho, cujo superpoder é a eletricidade. O aspeto fofinho aliado às suas propriedades no jogo tornou-o num dos personagens favoritos.
Fonte [http://observador.pt/2016/06/01/fas-de-pokemon-preparem-se-o-pikachu-vai-mudar-de-nome/]


ver: [https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_filmes_de_Pok%C3%A9mon]


escrito por Adriana Santos

LEIA O RESTANTE >>

O CIRCO E OS PALHAÇOS

À conta do Euro/2016, o país transformou-se num autêntico circo. Nas redes sociais, então...

Há mesmo quem jure que se cumpriu Portugal.

Tratando-se de um circo gigantesco, não poderiam faltar os palhaços. E há mesmo, pelo ridículo, candidatos a palhaço-mor.


escrito por ai.valhamedeus

LEIA O RESTANTE >>

DIZCIONÁRIO [90 3d]

[clicar na imagem para ler melhor]
escrito por ai.valhamedeus

LEIA O RESTANTE >>

NATURAL * iogurte com mel e frutas


No último Natural, ficaram sugestões de iogurtes de fruta caseiros, de cerejas e figos secos. Desta vez, a sugestão mistura iogurte com frutas, mel, uma pitada de canela e... o que a sua imaginação acrescentar. Uma receita para pequeno-almoço ou, porquê não?, para sobremesa.

Salada de frutas com iogurte e mel

Por pessoa
  • 1 iogurte natural
  • 100 gr de frutas diversas (morangos, kiwis, bananas, mirtilos, maçãs...)
  • 2 colheres de sopa de mel (se achar muito, coloque a gosto ;-))
  • 1 pitada de canela (a gosto)
  1. Misturar o iogurte, o mel e a canela.
  2. Descascar ou lavar as frutas e cortá-las em pequenos pedaços.
  3. Colocar as frutas num recipiente (copo de iogurte?) e cobri-las com a mistura de iogurte, mel e canela.
  4. Refrescar, para comer bastante fresco.
  5. (Nb: dependendo do momento em que pretender comer, pode acrescentar outros ingredientes. Por exemplo, quando se destina ao pequeno almoço, costumo, na noite anterior, preparar a receita, acrescentando flocos... do tipo Granola ou Muesli).
escrito por Madre Natureza

LEIA O RESTANTE >>

E QUE TAL UM REFERENDO EM PORTUGAL?


Plácido Domingo não é o único a pensar assim: quando se prevê que o resultado de consulta ao "povo" não agrada, o melhor que há a fazer é não o consultar.

Em alternativa à consulta, é preferível afirmar com toda a certeza que o povo pensa como pensa quem rejeita a consulta. Como faz, por exemplo, o atual ministros dos negócios estrangeiros. Depois de (com todo o direito) lamentar a decisão dos britânicos, Santos Silva dispara:
Devemos ser muito claros. O lugar de Portugal é a Europa, é a União Europeia, não há nenhuma dúvida sobre isso, essa é a nossa escolha.
escrito por ai.valhamedeus

LEIA O RESTANTE >>